Estratégias de negócio

Franquias: porque é importante que cada estabelecimento da rede tenha o seu próprio website local.

By 5 de novembro de 2017 No Comments
Tempo de leitura estimado: 3 minutos

Em uma rede de franquias cada estabelecimento deve ter o seu próprio website local para otimizar os motores de busca e aumentar a relevância para os consumidores que buscam estabelecimentos perto do local onde estão.

De acordo com uma pesquisa da Review Trackers, uma das principais empresas de reputação online dos EUA, 53% dos consumidores que pesquisam por negócios locais vão até esse estabelecimento até 48 horas após a pesquisa. Os consumidores estão procurando informações como horário de funcionamento, endereço, contato e, claro, estão lendo as avaliações (reviews) para decidir se vão ou não até o local.

Ou seja, a otimização do SEO local é algo que precisa estar presente nas ações de marketing digital de qualquer tipo de negócio e, principalmente, nas redes de franquias. No caso das redes de franquias é fundamental que cada um dos estabelecimentos possua o seu website local com informações específicas de cada loja da rede.

O SEO orgânico é um dos grandes segredos para o sucesso. Websites individuais permitem que sejam criados conteúdos exclusivos para impulsionar os esforços de otimização de busca. Construir uma marca pessoal também é importante e, através de websites individuais, podemos compartilhar melhor as características de cada um dos franqueados de uma rede.

Afinal os consumidores confiam nos negócios locais e por isso é fundamental que cada franqueado conquiste a sua comunidade individualmente, pois cada unidade da franquia é diferente. As lojas de uma rede de franquias podem parecer entre si, fornecem os mesmos produtos e serviços, mas elas são, de fato, diferentes. A localização é diferente, os clientes de cada loja são diferentes, as experiências dos clientes são diferentes e os funcionários são diferentes.

O que incluir em um website local, passo a passo.

  • Incorpore um mapa do Google para que os usuários possam ver imediatamente a localização do seu negócio e possam chegar facilmente até ele.
  • Use geotags para que a página apareça no topo das pesquisas, o que inclui a adição de marcação de conteúdo para que o horário comercial local e outras informações importantes sejam exibidas corretamente nos resultados da pesquisa. Leia mais sobre como fazer isso no blog SEOMaster.
  • Inclua o nome da cidade para que consumidores que procuram nessa cidade possam encontrar o seu website. Atualize seus títulos de páginas, meta tags e descrições.
  • Gere avaliações online. Isso não só adiciona mais conteúdo ao seu site, mas também fornecem aos usuários uma experiência personalizada. Os consumidores querem a informação do estabelecimento onde eles pretendem ir e não necessariamente da rede de franquias como um todo.
  • Adicione códigos de rastreamento (retargeting) aos seus websites locais. Se você já usa o AdWords ou outro anúncio online pago, você pode fazer o retargeting dos usuários que já visitaram o seu website local e entregar anúncios personalizados para eles.

Diga aos motores de busca que a sua franquia é relevante em uma localidade específica

Presley Brouillette, especialista em marketing digital da Brew Agency, diz que “as empresas que possuem estabelecimentos em várias localidades e as grandes redes franqueadoras definitivamente precisam de websites individuais para cada estabelecimento em operação. O principal motivo é o SEO “.

Informações locais são tão importantes no mundo do SEO que, ao ter um website ou landing page específico para cada estabelecimento, na verdade estamos dizendo para os motores de busca que o seu estabelecimento é relevante nessa área e, dessa forma, ele estará melhor posicionado no ranking.

Vamos imaginar uma grande franquia nacional de pizza. Se essa rede só tiver um website principal com apenas uma página listando todas as suas lojas, certamente isso não seria tão relevante para a busca no Google quanto seria se eles tivessem websites individuais para clicarmos à partir da página principal. A razão disso é simples: cada website individual, de cada loja da rede, pode ter conteúdo local específico, tags de título, descrições de metasearch, mapa, informações de contato e muito mais. Isso sem falar que a experiência do usuário melhora com websites separados para cada estabelecimento.