Estratégias de negócio

[Estudo] Descubra como seus concorrentes estão usando as avaliações do Google a favor de seus negócios

By 18 de dezembro de 2018 No Comments
Tempo de leitura estimado: 7 minutos
Pesquisa-Descubra como as empresas locais estão usando o Google Reviews

 

Embora existam sites específicos em avaliações online, a visibilidade das avaliações do Google, nos resultados de pesquisa, está ajudando a tornar o Google Reviews a plataforma de comentários que mais cresce.

Pensando nisso, a Bright Local divulgou um estudo sobre reviews (2018) no Google. Eles analisaram perfis de mais de 93.000 empresas locais em 26 setores diferentes para descobrir:

  • O número médio de reviews por setor;
  • O número médio de reviews por posição no ranking local;
  • A classificação média das empresas em cada setor;
  • e muito mais

Nós analisamos o estudo e chegamos a algumas hipóteses interessantes. Descubra como as empresas locais estão usando o Google Reviews e use as estatísticas para te ajudar a avaliar seu negócio em comparação a outras empresas do seu setor.

 

O número médio de comentários no Google por setor

A pesquisa mostrou que a quantidade de reviews varia muito de setor para setor. Por exemplo, restaurantes, bares e hotéis estão no top 3, tendo em média 247 avaliações no Google. Enquanto que o setor médico tem em média de 18 reviews.

Gráfico: média de reviews no google local por setor de mercadoFigura 1: média de comentário para cada indústria. Fonte: Google Reviews Study: How Many Reviews Do Local Businesses Need?

A partir daí, podemos considerar o seguinte:

  • Será que as pessoas estão mais habituadas a avaliarem certo tipos de setores mais que outros?
  • Será que certos setores estão mais habituados a solicitar reviews do que outros?

Uma dúvida comum é “Quantos reviews meu estabelecimento deve ter?” Primeiro de tudo,  a qualidade dos seus reviews impactam muito mais do que a quantidade, confira o infográfico Descubra os segredos dos sites de reviews: faça seu negócio subir no ranking já.  Segundo, uma outra pesquisa mostrou que, em média, um estabelecimento precisa ter 40 reviews para que o consumidor possa confiar na sua classificação por estrelas.

Gráfico Quantas avaliações uma empresa precisa antes de você acreditar na classificação por estrelas[Figura 2: Quantas avaliações uma empresa precisa antes de você acreditar na classificação por estrelas? Fonte: Local Consumer Review Survey 2018]

Vale lembrar também que a recenticidade dos reviews é muito importante. 40% dos consumidores só se interessam por comentários enviados nas últimas duas semanas e 29% no último mês. Ou seja, ter uma coleção de 500 reviews do mês retrasado não irá impactar na melhora do ranking tanto quanto ter 50 reviews recentes, uma vez que o review vai perdendo a força com o passar do tempo.

Porém, isso não significa que aqueles 500 reviews do mês retrasado sejam inúteis, longe disso! Eles compõem uma amostragem que reflete melhor a realidade para extrair inteligência competitiva, do que o montante de 50 reviews mais recentes.

Use os reviews mais recentes para monitorar a experiência que seu estabelecimento vem entregando aos seus clientes. Dessa forma você consegue identificar rapidamente melhorias necessárias e oportunidades.

 

O número médio de reviews no Google por posição no ranking local  

Foram selecionadas 10.334 palavras-chave locais relacionadas a setores comuns e usadas para identificar as dez principais empresas do ranking no Google Local, para cada termo de pesquisa.

A pesquisa revelou que os negócios locais que ocupam o Top 3 têm em média 53 reviews. Negócios que aparecem nas posições  4ª ー 6ª têm em média 49 e da 7ª a 10ª posição têm em média 47 reviews. Apesar de parecer haver alguma correlação entre o número de reviews e a posição no ranking local do Google, a diferença é muito pouca para dizer que o volume impactou no resultado, pelo menos não diretamente.

Uma possibilidade mais provável seria que os estabelecimentos nas primeiras posições possuam uma média melhor de reviews (pontuação e recenticidade), por isso estão no topo.

Podemos abordar a questão das palavras-chave também, será que a qualidade dos comentários, daqueles que estão em primeiros, possuem uma relevância maior do que aqueles que não estão? Há também o fator recenticidade, será que aqueles que estão no topo estão lá porque possuem a média de reviews mais recentes?

O que queremos dizer é que há muitos fatores que podem interferir na sua posição no Google Local e que por isso, seus esforços não podem ficar apenas concentrados na quantidade de reviews.

 

Gráfico: Número médio de reviews no Google por posição no ranking local

[Figura 3: Número médio de reviews no Google por posição no ranking local. Fonte: Local Google Reviews Study: How Many Reviews Do Local Businesses Need?]

Classificação média por estrelas no Google por setor

Na figura 1 vimos que o top 3 na quantidade de reviews no Google era ocupado por hotéis, restaurantes e bares, com uma média de 247 reviews. O setor de fotografia aparecia nas últimas posições, com uma média de 9 reviews.

Na figura 4, que mostra a classificação por estrelas, o setor de fotografia aparece em primeiro lugar, com as melhores notas, a frente do top 3, mesmo com um número de reviews tão inferior.

Gráfico: média de reviews no google local por setor de mercado[Figura 1: média de comentário para cada indústria. Fonte: Google Reviews Study: How Many Reviews Do Local Businesses Need?]

 

Gráfico Classificação média por estrelas no Google por setor[Figura 4: Classificação média por estrelas no Google por setor. Fonte:Google Reviews Study: How Many Reviews Do Local Businesses Need?]

Poderíamos considerar o seguinte:

  • A expectativa do cliente:  as empresas devem se certificar da expectativa que estão criando em seus potenciais clientes e se ela está alinhada com sua satisfação .  
  • Experiência entregue: o fotógrafo, aparentemente, tem “maior facilidade” em entregar um atendimento personalizado, pois é fundamental para o trabalho dele escutar e entender o que o cliente deseja. Com hotéis e restaurantes, a demanda é maior, o que torna a realização de uma atendimento personalizado um pouco mais difícil.
  • Fator emocional em jogo: pessoas são mais propensas a avaliar quando são fortemente impactadas emocionalmente, seja para o bem ou para o mal. O fotógrafo atua diretamente com o emocional, eternizando momentos especiais para seus clientes, o  que aumenta suas chances de conseguir deixá-los encantados com seus serviços e, consequentemente, obter avaliações melhores.

No geral, as empresas locais têm uma média de 4,42 estrelas no Google. Mas precisam atentar para outro fator: um consumidor é 21% mais propenso a deixar uma revisão após uma experiência negativa do que após ter um experiência positiva. A média de classificação poderia ser até mais alta, considerando este dado. Neste caso, torna-se fundamental as empresas incentivarem seus clientes a avaliarem a experiência entregue. Neste post mostramos como configurar sua estratégia para receber mais reviews.

 

Classificação por estrelas média no Google relacionada a posição no ranking local

De acordo com o estudo, se você almeja as primeiras posições, deve ter uma nota média de 4.47 estrelas no Google. A média de negócios no top 10 é de 4,46 estrelas. Mas vale lembrar que os reviews do Google não são o único fator que determina sua posição na página de busca.

Gráfico: Classificação por estrelas média no Google relacionada a posição no ranking local[Figura 5: Classificação por estrelas média no Google relacionada a posição no ranking local. Fonte: Google Reviews Study: How Many Reviews Do Local Businesses Need?]

Segundo a pesquisa, 20% dos resultados no top 3 não tinham avaliações no Google. Podemos interpretar isso da seguinte forma: 1º o Google vai buscar na base dele: “Há algum estabelecimento perto dessa pessoa que eu possa indicar? Não? Vejamos o que encontro em sites de terceiros. Olha, estes estabelecimentos no Guia Mais e Tripadvisor parecem promissores. Vou mostrar.”

Esses 20% devem cobrir aqueles setores em que ainda não há o hábito de se avaliar, como o setor de contabilidade. Se você atua dentro de um desses setores (ver figura 1), pode estar perdendo uma grande oportunidade de investir em avaliações do Google e conquistar as primeiras posições, enquanto ainda não tem nenhum concorrente fazendo isso.

Bom, é isso. Use essas informações para melhorar suas estratégias, mas lembre-se, o que acabamos de apresentar aqui não é uma verdade absoluta. Mas é útil para contextualizar o Google Local, entender melhor como essa ferramenta atua e saber como os negócios do seu setor estão se saindo, e desse modo, configurar estratégias mais assertivas.

O que achou do post? Ficou alguma dúvida? Comenta aqui nos comentários. Se este conteúdo te ajudou, ajude outras pessoas também e compartilhe ele.

Imagem flaticon.com

facebook link linkedin link twitter link